Gestão / Administração

Dissertações de Mestrado

 

A Criação de Riqueza para os Accionistas com Operações de Spin-off
Evidência do Mercado Euronext

 

Autor: Ana Isabel Rodrigues Silva
Orientador: Maria Manuela Athayde Marques

 

Mestrado em Finanças

Faculdade de Economia da Universidade do Porto
 

Se é autor de uma tese / dissertação de mestrado ou de doutoramento envie-nos para knoow.net@gmail.com e ajude-nos a enriquecer ainda mais o nosso site.

continuar

 

A Criação de Riqueza para os Accionistas com Operações de Spin-off

Resumo

A presente investigação propôs-se estudar a reacção do mercado a operações de spinoff. Trabalhando com uma amostra constituída por todos os spin-offs executados em
empresas cotadas no universo Euronext, entre 1 de Janeiro de 1990 e 15 de Julho de 2008, procurou-se aferir se a referida reacção está de acordo com a evidência empírica existente tanto em termos dos retornos supra-normais observados como em termos das razões apontadas para a realização dessas operações. Foram encontrados retornos supranormais nos três dias em torno do anúncio de 2,58%. Para o conjunto das empresas portuguesas esse retorno foi de 2,02%, tendo sido de 2,81% para as restantes empresas que integram o mercado Euronext, não sendo contudo essa diferença significativa do ponto de vista estatístico. Os resultados obtidos são pois semelhantes aos encontrados em estudos anteriores, assim como o é o facto de se ter encontrado uma associação positiva entre o retorno supra-normal e a dimensão do spin-off. O estudo efectuado fornece ainda evidência a favor da Teoria da Eficiência dos Mercados, ao não se ter encontrado retornos supra-normais significativamente diferentes de zero na data da execução e no período de um ano após a mesma. Já em relação às razões para a realização dessas operações, os resultados obtidos não validaram a importância da refocalização quando esta foi aferida através da diferença de sectores. Contudo, encontrou-se evidência que suporta a importância conjunta da refocalização e da eficiência informacional em operações de spin-off dado que quando as mesmas foram as únicas razões apontadas os retornos supra-normais médios cumulativos obtidos foram superiores.

 

Palavras chave: Finanças, Master in Finance

 

Índice 

NOTA BIOGRÁFICA
AGRADECIMENTOS
RESUMO
ABSTRACT
INTRODUÇÃO

111 AS OPERAÇÕES DE REESTRUTURAÇÃO DE PORTFÓLIO

1.1 ENQUADRAMENTO
1.2 CARACTERIZAÇÃO
1.3 RELEVÂNCIA DAS OPERAÇÕES

222 SPIN-OFFS

2.1 ASPECTOS FORMAIS, FISCAIS E CONTABILÍSTICOS

2.2 REACÇÃO DO MERCADO

2.2.1 Reacção do mercado em torno do anúncio
2.2.2 Reacção do mercado fora do período do anúncio

2.3 RAZÕES INVOCADAS NA LITERATURA PARA PROCEDER A SPIN-OFFS

2.3.1 Apresentação das razões

2.3.1.1 Refocalização

2.3.1.2 Redução da assimetria de informação
2.3.1.3 Facilitar fusões/ aquisições
2.3.1.4 Defesa anti-takeover
2.3.1.5 Transferência de riqueza
2.3.1.6 Motivos fiscais e de regulação

2.3.2 Papel do corporate governance

2.4 RAZÕES INVOCADAS NA LITERATURA E A REACÇÃO DO MERCADO AO ANÚNCIO DE SPIN-OFFS

333 REACÇÃO DO MERCADO A OPERAÇÕES DE SPIN-OFF NO MERCADO EURONEXT

3.1 ENQUADRAMENTO E RELEVÂNCIA

3.2 QUESTÕES DE INVESTIGAÇÃO

3.3 CARACTERÍSTICAS DISTINTIVAS DA INVESTIGAÇÃO

3.4 HIPÓTESES 51

3.5 MÉTODOS DE INVESTIGAÇÃO
3.6 AMOSTRA
3.7 VARIÁVEIS DEPENDENTES E INDEPENDENTES
3.8 EVIDÊNCIA EMPÍRICA

3.8.1 Análise dos retornos supra-normais em torno do anúncio
3.8.2 Dimensão
3.8.3 Empresas over-performing/ under-performing e CAR
3.8.4 Análise dos retornos supra-normais na data de execução
3.8.5 Análise dos retornos supra-normais no longo prazo
3.8.6 Empresas over-performing/ under-performing e BHAR
3.8.7 Motivação para proceder ao spin-off
3.8.8 Sectores a que pertencem a empresa mãe e o spin-off

444 CONCLUSÕES

555 APÊNDICE – ENQUADRAMENTO METODOLÓGICO

666 BIBLIOGRAFIA
777 ANEXOS

7.1 ANEXO 1 - CARACTERIZAÇÃO DA AMOSTRA
7.2 ANEXO 2 – TESTES ESTATÍSTICOS
 

 

Trabalho completo