Gestão / Administração

Dissertações de Mestrado

 

Factores determinantes para a Internacionalização no sector do calçado português de luxo
Um estudo exploratório

 

Autor: Pedro Miguel Preto Marco
Orientador: Maria do Rosário Moreira

 

Mestrado em Economia e Gestão Internacional

Faculdade de Economia

Universidade do Porto
 

Se é autor de uma tese / dissertação de mestrado ou de doutoramento envie-nos para knoow.net@gmail.com e ajude-nos a enriquecer ainda mais o nosso site.

continuar

 

Factores determinantes para a Internacionalização no sector do calçado português de luxo

Resumo

Nas duas últimas décadas, assistimos a grandes alterações no sector do calçado em Portugal. Tendo uma longa tradição na indústria nacional, a tendência crescente nos últimos anos, foi a de várias empresas direccionaram o seu produto para o segmento de calçado de luxo. Operando na sua maioria em regime de sub-contratação, são ainda poucas as empresas que se lançam no mercado internacional com marca própria. As sucessivas crises do petróleo, as guerras no Golfo Pérsico e no Afeganistão e a dissolução da União Soviética na década de 1990, são apontadas pela Associação do sector, como factores decisivos para o seu estado actual. Por outro lado, a entrada de novos intervenientes com preços competitivos, tais como empresas vindas dos BRIC (Brasil, Rússia, Índia e China), lançou novos desafios às empresas portuguesas presentes nos mercados internacionais. O presente estudo direcciona-se para o sector do calçado português de luxo. Através de entrevistas aos CEO’s de duas empresas portuguesas de calçado de luxo, presentes em mercados externos há mais de dez anos, pretende analisar, com o apoio da literatura existente, quais as principais motivações endógenas ou exógenas à empresa, que incentivaram as mesmas a internacionalizar-se. Desta investigação podemos concluir que os apoios externos são vitais em toda a manobra de internacionalização assim como o espírito empreendedor dos empresários. De acrescentar ainda, que o mercado nacional não é representativo, nem prioritário para este tipo de empresas.

 

Palavras chave: Calçado português de luxo; Estratégias de internacionalização; Marca própria; Incentivos.

 

Índice 

Nota Biográfica
Resumo

Abstract

Índice de Quadros

Índice de Figuras
Introdução

1. Internacionalização – estratégias e teorias. Síntese da literatura

1.1 A internacionalização como estratégia de crescimento
1.2 Teorias de internacionalização – Síntese

1.2.1 A teoria do IPLC

1.2.2 A teoria dos mercados imperfeitos

1.2.3 A teoria do comportamento estratégico

1.2.4 A teoria RA (Resource Advantage)
1.2.5 A teoria do TCA
1.2.6 O paradigma eclético: modelo PLI
1.2.7 A teoria da internacionalização (ou modelo de Uppsala)
1.2.8 A teoria do network:

2. O sector do calçado em Portugal

2.1 Incentivos institucionais e organizacionais para a internacionalização
2.2 Evolução recente do sector do calçado em Portugal

3. Metodologia adoptada na investigação

3.1 Questões de investigação e opção pela metodologia do estudo de casos
3.2 Selecção das empresas a entrevistar
3.3 Objectivos da entrevista

4. Resultados da análise empírica

4.1 Descrição da amostra

4.1.1 Fernando J. Henriques, Lda.
4.1.2 Fábrica de Calçados Zarco (Carlos Santos)

4.2 Análise dos objectivos

4.2.1 Importância da indústria instalada no mercado-alvo
4.2.2 Importância dos recursos e competência próprios da empresa
4.2.3 Importância do plano institucional e cultural do mercado-alvo

4.3 Factores determinantes para a internacionalização

5. Conclusão

Referências

 

 

Trabalho completo