Psicologia

Dissertações de Mestrado

 

A aquisição de comportamentos alimentares saudáveis
Contributo dos modelos teóricos, dos programas de intervenção e dos técnicos de saúde

 

Autor: Marta Louro
Orientador: Adelina Lopes da Silva

 

Mestrado em Psicologia

Secção de Psicologia Clínica e da Saúde
Núcleo de Psicoterapia Cognitiva-Comportamental e Integrativa

Universidade de Lisboa
 

Se é autor de uma tese / dissertação de mestrado ou de doutoramento envie-nos para knoow.net@gmail.com e ajude-nos a enriquecer ainda mais o nosso site.

continuar

 

A aquisição de comportamentos alimentares saudáveis

Resumo

O presente estudo tentará compreender se os adolescentes com problemas alimentares podem ser ajudados a adoptarem comportamentos saudáveis; se pode ser viável um programa de intervenção dirigido à obesidade e aos distúrbios alimentares; que características deverá apresentar um programa desse tipo para se tornar um programa de intervenção mais útil e vantajoso em comparação com os programas de intervenção dirigidos apenas a cada uma dessas problemáticas; e qual será a perspectiva dos profissionais de saúde, que trabalham com esse tipo de problemáticas, relativamente ao tipo de programa que consideram ser mais eficaz. Para responder a estas questões, o estudo vai analisar seis modelos de auto-regulação de apoio à intervenção na área da saúde, seis programas de intervenção aplicados ao nível da obesidade e dos distúrbios alimentares e três entrevistas realizadas a técnicos de saúde (dietista, médica pediatra e enfermeira). Foi possível chegar a um algum consenso e a alguns pontos de convergência entre esses três componentes do estudo. O estudo sugere a possibilidade de se desenvolver um programa de intervenção de abordagem combinada e a utilização do quadro de análise dos programas de intervenção como um importante instrumento de avaliação destes.

 

Palavras chave: Auto-regulação, Comportamento alimentar, Técnicos de saúde, Obesidade, Teses de mestrado

 

Índice 

INTRODUÇÃO 

1. OBESIDADE E DISTÚRBIOS ALIMENTARES 

1.1. Conceptualização da obesidade
1.2. Conceptualização dos distúrbios alimentares 

2. AUTO-REGULAÇÃO

2.1. O que é a auto-regulação?
2.2. O papel da regulação emocional ao nível dos comportamentos alimentares
2.3. Questões de investigação

METODOLOGIA

3. MODELOS DE AUTO-REGULAÇÃO

3.1. Critérios e fontes de selecção
3.2. Apresentação sumária dos principais modelos de apoio à intervenção na área da saúde

4. PROGRAMAS DE INTERVENÇÃO APLICADOS AO NÍVEL DA OBESIDADE E DOS DISTÚRBIOS ALIMENTARES

4.1. Critérios e fontes de selecção
4.2. Descrição sumária dos programas de intervenção com uma abordagem combinada
4.3. Categorias de análise dos programas de intervenção

5. TÉCNICOS DE SAÚDE QUE INTERVÊM NA OBESIDADE E NOS DISTÚRBIOS
ALIMENTARES

5.1. Critérios e fontes de selecção
5.2. A entrevista
5.3. Categorias de análise das entrevistas dos técnicos de saúde
5.4. A análise de conteúdo

CONTEÚDO

6. OS MODELOS DE AUTO-REGULAÇÃO 28
7. ANÁLISE DOS PROGRAMAS DE INTERVENÇÃO DE ABORDAGEM COMBINADA
8. ANÁLISE DE CONTEÚDO ÀS ENTREVISTAS APLICADAS AOS TÉCNICOS DE

SAÚDE

CONCLUSÃO
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

 

 

Capas_agradecimentos_e_resumos

Indice

Tese_de_mestrado

Anexos