Psicologia

Dissertações de Mestrado

 

O papel do apoio social na percepção de auto-eficácia parental de mães separadas

 

Autor: Cláudia Sofia Lopes Correia
Orientador: Maria Helena Santos Afonso

 

Mestrado em Psicologia

Secção de Psicologia Clínica e da Saúde
Núcleo de Psicoterapia Cognitiva-Comportamental e Integrativa

Universidade de Lisboa
 

Se é autor de uma tese / dissertação de mestrado ou de doutoramento envie-nos para knoow.net@gmail.com e ajude-nos a enriquecer ainda mais o nosso site.

continuar

 

O papel do apoio social na percepção de auto-eficácia parental de mães separadas

Resumo

A separação conjugal tem aumentado em Portugal, havendo actualmente cada vez mais mulheres com filhos a passarem por este processo. As alterações ao nível pessoal, social e familiar exigem destas mães uma reorganização que poderá ter efeitos ao nível das percepções de auto-eficácia parental. O apoio social poderá funcionar como um factor protector, ou por outro lado poderá ter efeitos negativos para as percepções de eficácia parental das mães. O presente estudo exploratório tem, assim como objectivos gerais avaliar os níveis de auto-eficácia parental e explorar o papel do apoio social nas percepções de auto-eficácia parental de mães portuguesas separadas. A amostra deste estudo seria constituída por indivíduos do sexo feminino separados do parceiro no máximo há um ano e com pelo menos um filho com idade compreendida entre os 0 e os 6 anos. A informação necessária seria recolhida utilizando-se duas escalas, uma de auto-eficácia parental e uma de apoio social, adaptadas de escalas já existentes. Espera-se com os resultados obtidos retirar implicações para a prática clínica em mães em processo de separação conjugal, assim como ajudar no aperfeiçoamento e elaboração de programas de educação parental.

 

Palavras chave: Separação conjugal, Apoio social, Parentalidade, Teses de mestrado

 

Índice

1. Introdução

2. Adaptação de mulheres com filhos à separação conjugal 

2.1 Efeitos a nível parental

3. Auto-eficácia

3.1 Auto-eficácia parental

4. Apoio Social

4.1 Abordagem funcional
4.2 Apoio social após separação conjugal
4.3 Apoio social a nível parental

5. Apoio social e auto-eficácia

6. Objectivos
7. Metodologia

7.1 Selecção e obtenção da amostra
7.2 Instrumentos
7.3 Procedimentos

8. Plano de análise de resultados

9. Discussão e Conclusão

10. Referências bibliográficas

Anexos

 

 

Trabalho completo