Terras e Locais

Aldeias, Vilas e Cidades do Brasil

 

 

Apresentação da localidade de Araraquara (São Paulo)

 

Autor: Equipa knoow.net
-

Data de publicação: 10/05/2010

Contributos: -

Resumo: Apresentação da localidade de Araraquara (São Paulo)...  ver mais

Palavras chave:  localidades, vilas, cidades, Brasil

 

Comente ou leia outros comentários a este termo

 

Localidade: Araraquara (São Paulo)

| A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z |

Localidade de Araraquara (São Paulo)

Araraquara é uma cidade e sede de município brasileiro localizada no interior do estado de São Paulo no sul do Brasil. De acordo com o Censo Demográfico IBGE, o município possuía em 2010 um total de 208.725 habitantes, distribuídos por uma área territorial de 1006 km2.

Administrativamente o município é composto por três distritos, nomeadamente o distrito sede (Araraquara), Vila Xavier e Bueno de Andrada.

 

Toponímia

Araraquara provem de Aracoara, palavra formada a partir dos vocábulos dos índios guaianá "ará" que significa dia e "coara" que significa casa ou morada. Aracoara significa, portanto, "onde mora a luz do dia" ou "morada da luz do dia".

 

História do Município

Segundo se conta, no início do séc. XVIII, um astrónomo português, numa viagem de exploração pelo rio Tietê, deparou-se com uma grande cordilheira e ao ver os reflexos da luz solar, imediatamente imaginou uma grande cidade no local. Na mesma altura, a descoberta de ouro em Mato Grosso fez do local um ponto de passagem o que incentivou a sua conquista aos índios guaianá e ocupação pela população branca. O nome Aracoara dado pelo índios (formada a partir das palavras nativas "ará", dia e "coara", toca ou morada, ou seja, "onde mora a luz do dia" ) foi o escolhido pelos novos habitantes que passaram a designar a região que abrange desde a margem direita do rio Piracicaba até os confins do norte e oeste do Estado de São Paulo por Campos de Aracoara ou Sertão de Aracoara.

Contudo, a sua efectiva conquista pela população branca ocorreu apenas no final do séc. XVIII quando, em 1790, Pedro José Neto se estabeleceu na região fugindo da condenação e do desterro a que tinha sido sujeito pela justiça de Itu. Logo depois constrói, juntamente com os seus filhos, uma pequena capela dedicada a São Bento e toma posse das regiões do Ouro, Rancho Queimado, Cruzes, Lageado, Cambuy, Bonfim e Monte Alegre.

Poucos anos depois, a 22 de agosto de 1817 é criada a Freguesia de São Bento de Araraquara e cerca de dois meses depois, mais propriamente a 30 de outubro do mesmo ano, a Freguesia foi elevada à categoria de Distrito. A 10 de julho de 1832 passou à categoria de Município, o qual foi instalado a 24 de agosto de 1833.

 

Economia do Município

Em termos económicos, a estrutura industrial do município centra-se em torno da agro-indústria, com especial destaque para a cana e a laranja. Um destaque também para os setores da metalo-mecânica, têxtil, tecnologias de informação, aeronáutica, entre outros.

 

Hino do Município

Araraquara, tu nasceste
de uma lenda e uma poesia
crença tupi que além das serras
surgindo o sol ali morava o dia

tendo por bandeira a lenda
aqui chegou, Pedro José Neto
sonhando ergueu a sua tenda
sob teu céu, o seu primeiro teto

Araraquara ensolarada
o sol é o teu coração
as tuas tardes são douradas
es meu querido torrão

Araraquara terra amada
Aracoara da língua tupi
tu és morada é manhã nascendo
nome acalento que foi dado a ti

Amo, meu berço Natal
Onde pisaram bravos bandeirantes
Eu canto as maravilhas tuas,
Legado eterno desses teus gigantes

Araraquara ensolarada
o sol é o teu coração
as tuas tardes são douradas
és meu querido torrão

Araraquara adorada
tu és morada e filha do sol
esplendorosa é tua alvorada
e repousante o teu arrebol

Creio no teu bravo povo
no amanhã e na tua glória
teus jovens seguirão confiantes
novos gigantes desta tua história

Araraquara ensolarada
o sol é o teu coração
as tuas tardes são douradas
és meu querido torrão